Cultura

You are currently browsing the archive for the Cultura category.

Na XI Teia Cabocla é assim, aprender e repassar nossas origens.

 

Foto Mauro Pereira

Nos períodos de 3, 4 e 5 de Setembro de 2012, na comunidade de Vila Franca no Rio Tapajós, aconteceu a XI Teia Cabocla, que teve como tema “Cultura e Identidade Amazônica em Conexão”, foi um encontro que reuniu as lideranças de jovens de todas as comunidades ribeirinhas dos rios Tapajós, Arapiuns e Amazonas. Foi um encontro interessante com palestras, entrevistas, oficinas de vídeo, jornal, blogs, música, dança, pintura e circo. Isso fez com que os jovens se animassem a participar na sua comunidade. Durante o encontro, houve muitos debates sobre as culturas das comunidades, e se ainda estão sendo valorizados, porque algumas estão perdendo suas raízes e tradições de vida. Os jovens de maguari ficarão felizes de participar, porque alguns foram pela primeira vez.

Foto Mauro Pereira

Na oficina de Música aprendi a confeccionar alguns instrumentos com matérias reciclados, como as latinhas, assim elas não iram mais parar no buracão, também cantamos uma música feita por todos os jovens que participaram da oficina de música, o nome era MARÉS. A cada dia aprendemos um algo novo, iremos repassar para os jovens da comunidade do maguari tudo aquilo que aprendemos e podemos absorver de conhecimento nas oficinas, e já estamos ansiosos pelas próximas TEIAS CABOCLAS, ate lá.

 

Por Roseo Sousa.

 

Foi realizado nos dias 29 de Novembro a 2 Dezembro um Seminário de Ecoturismo de Base Comunitária em
São Luís no Maranhão. Dona Conceição Fonseca, uma moradora da comunidade de Jamaraquá, foi representando o ecoturismo da FLONA (Floresta nacional) do Tapajós. Onde também fizeram-se presente pessoas de outras reservas extrativistas que trabalham com Ecoturismo.
Um intercâmbio de pessoas e experiência, de todos os lugares em prol de melhorias para o ecoturismo comunitário. O conhecimento dos ambientes e dos comunitários ribeirinhos proporcionarem uma experiência única de paisagens nas matas, rios, praias, sabores com histórias e causos.

Por: Carpeggeane Pantoja

A Maratona na Selva é uma competição de auto-suficiência, que ocorre na Floresta Nacional do Tapajós. Que se iniciou no dia 06 de Outubro na comunidade de Prainha, e a chegada será no dia 15 do mesmo mês na vila de Alter-do-chão. Centena de participantes dos mais diversos países, tentarão cobrir o percurso de 200 km, que é divido em seis etapas com postos de inspeção distribuídos a cada 6 km, onde os atletas são monitorados por uma equipe médica e reabastecidos com água. A etapa mais longa é de 80 km e parte dela deverá ser percorrida a noite. Na final de cada etapa eles dividirão uns acampamentos previamente construídos pelos comunitários e apoiados pelo Exército e Corpo de Bombeiros. Os competidores levarão em suas mentes, grandes paisagens e momentos que serão inesquecíveis!!

O Santos Futebol Clube da comunidade de Maguari, realizará no sábado dia 01 de Outubro do corrente ano, seu tradicional torneio e festa dançante. Pela manhã haverá um quadrangular entre times das proximidades. E a partir das 14:30 hs o torneio continuará, e terá como  premiação  R$ 600,00. A partir  das 17:00 hs começará o pré show. E logo
em seguida iniciará a festa dançante com Banda Transamérica.

Não perca vai ser imperdível!!!

A Direção, Professores e  Funcionários da Escola Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, realizaram neste dia 05 de Setembro mais uma atividade na comunidade de Maguari.

Como já se sabe que nesse período do mês sempre ocorre os desfiles em todas as escolas do País. Em Maguari não poderia ser diferente.

O mesmo teve como tema: Responsabilidade Social e a Vida no Planeta!  Fizeram-se presente no desfile as escolas de Revolta, Santa Cruz, São Domingos, Jamaraquá, Acaratinga, e a escola de Maguari à qual é a polo e comunitários. As autoridades do Município também estiveram presente no evento.

Essa data é cheia de simbolismo, que serve para resgatar e defender nossas ideias.

A extração do latex em Maguari

O látex da seringueira é um dos meios de sobrevivência do povo da Amazônia. Porém a seringueira também produz seu fruto onde encontra-se uma grande cápsula com sementes ricas em óleos, que pode servir de matéria-prima para resinas, vernizes  e tintas.

Com o látex têm muitas maneiras de se trabalhar, na comunidade por exemplo, existe uma pequena fábrica chamada de COURO ECOLÓGICO onde há fabricação de artesanatos, bolsas, sandálias, bolas, portas-celulares entre outras coisas.

Também o produtor, fabrica a borracha sólida, que é vendida à um comprador de Santarém. O mesmo vem na própria comunidade, para que o produtor não tenha muitas despesas.  O látex da seringueira é somente retirado nos meses mais chuvosos do ano. Em outro período a mesma fica recuperando-se.  Pode-se dizer que um grande avanço econômico-social e ambiental, para os produtores das comunidades.

Bolsa produzida pelo Projeto Couro Ecológico de Maguari, Belterra, Pará

 

Baseado no Tema da Campanha da Fraternidade, o Polo Maguari realizou a XI GINCANA CULTURAL. A mesma está sendo realizada à 11 anos, portanto  desde o ano 2000. A cada ano ela traz um tema diferente. E teve como tema: Responsabilidade Social e a Vida no Planeta.Faça sua Parte!

A disputa fica entre duas equipe formadas por alunos e comunitários, sendo que os moradores das comunidades de Revolta, Santa Cruz e São Domingos formam uma equipe chamada MANICUERA. E comunitários de Maguari, Jamaraquá e Acaratinga é a outra equipe que dar-se o nome de JAMARATINGA.

E foi neste sábado dia 21 Maio, que aconteceu a tradicional Gincana Cultural do Polo Maguari. Tendo como vencedora a Equipe Jamaratinga.

A Gincana tem como objetivo resgatar a cultura local, fazer com as pessoas possam refletir do que está acontecendo no nosso  planeta e fazer com que os alunos, pais e comunitários serem mais participativo.

Oficina no Telecentro Cultural de Maguari

Nos dias 28 de fevereiro e 1 de março a comunidade de Maguari recebeu uma animada equipe do Projeto Saúde & Alegria para realizar uma oficina com telefones celulares. A equipe era composta por Paulo Lima, Tinho, Bob Barbosa, Gabriel Abreu e a Simone Gonçalves da Vivo.  Foram realizadas várias atividades para a descoberta de várias funções do telefone celular da Comunidade, como filmar, fotografar, gravar entrevistas e músicas e utilizar esses materiais para o blog de Maguari.

Durante a oficina foi realizado um vídeo sobre a vinda de turistas e a cultura do Maguari, com grande participação da juventude.  Logo o vídeo estará disponível aqui no nosso blog.

<!– @page { margin: 2cm } P { margin-bottom: 0.21cm } –>

A Escola João Paulo II da Comunidade de Jamaraquá realizou pelo período desta tarde de terça-feira dia 06 de Abril de 2010 a páscoa, o evento foi realizado com  a Escola de Maguari onde a comunidade de citada é umas das anexas do pólo maguari.

A professora Maria Celeste de Sousa que é responsável pela escola da Escola João Paulo II de Jamaraquá realizou várias brincadeiras com os alunos de 1ª à 4ª Série. Todos que estavam presentes observaram as crianças alegres e felizes por estarem realizando umas das suas tradições que são realizados todos os anos.

A Escola Municipal de Ensino Fundamental João Paulo II contou também com a professora Maria Elisbeth que é Pedagógica do pólo maguari e as demais anexas e o Senhor Diretor Francisco Márcio Soares que estava também presentes na comemoração daquela escola.

Uma Mensagem de feliz Páscoa a todos.

FELIZ PÁSCOA

O medo e a confusão dominaram aqueles que tinham acreditado no poder do amor.

Eles, que tinham aprendido
a alegria de amar o próximo do Mestre
que se fazia próximo daqueles
de quem ninguém se aproxima:
dos pobres, dos doentes,
das prostitutas,
dos marginalizados e marginalizadas.

O chão se desfez sob seus pés,
a morte os atingiu…

Estranho, porém,
foi que a morte não os matou;
algo extraordinário aconteceu:
os olhos dos amigos e amigas,
que haviam acreditado num mundo
transformado pelo amor,
reconheceram o Mestre esperado
e proclamaram:

Jesus é o Filho de Deus ressuscitado!

E desde então, para eles e para nós,
se coloca como vitória sobre a dor,
opressão e morte,
a certeza da ressurreição.

Alegria, alegria, agora e para sempre. Amém!

Feliz Páscoa!!

Tags:

Nessa sexta-feira o Maguari acordou com a volta da rádio comunitária com o comunitário apelidado como Café (apelido na comunidade).

A rádio funciona no telecentro e informatizada.

A radio funciona atraves de atos falantes no centro da comunidade.

A rádio comunitária  entra das 6 as 7 da manhã e para finalizar o dia as 5:30 até 6:30 da noite com uma programação de musicas, informativos e programas de saúde rural e para finalizar o seu recadinho.

« Older entries