Príncipe Charles visitará Maguari em Belterra

No sábado, dia 14 de março, a comunidade de Maguari, Rio Tapajós-Belterra, receberá a visita ilustre do herdeiro do trono britânico para conhcer a realidade de uma pequena comunidade da Amazônia.

O príncipe Charles da Inglaterra e sua esposa, Camilla, chegarão amanhã ao Brasil dentro de sua viagem pela América do Sul para uma visita oficial de quatro dias, centrada na preocupação com os efeitos da mudança climática.

Charles e Camilla chegarão a Brasília procedentes do Chile, onde estão desde domingo passado, e terminarão a viagem em Manaus, de onde, em 15 de março, partirão para o Equador.

O casal ficará no Brasil por quatro dias e, durante este tempo, visitarão as cidades de Brasília, Rio de Janeiro, Manaus e Santarém e Belterra.

Em todos estes lugares, o programa de atividades previsto será marcadamente ambiental, e o herdeiro ao trono britânico tentará envolver os jovens e o empresariado brasileiro no combate à mudança climática e a favor do desenvolvimento sustentável.

A visita também tem como objetivo reforçar os laços entre o Reino Unido e o Brasil, país que os britânicos consideram um de seus principais parceiros políticos e comerciais na América Latina.

Durante o primeiro dia da viagem, em Brasília, o casal será recebido pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pelo ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, e pelo presidente do Senado, José Sarney, entre outros.

As duas últimas escalas na visita serão Manaus, Santarém e Belterra, que permitirão ao casal conhecer em primeira mão os problemas e riscos que afetam a região amazônica.

Em Manaus, Charles e Camilla irão ao Instituto de Permacultura do Amazonas, que trabalha para a criação de espaços naturais sustentáveis, e manterão um encontro com representantes de grupos dos povos da floresta, entre outras atividades.

No dia seguinte, o herdeiro britânico viajará a Santarém e posteriormente à Belterra para visitar a comunidade Maguari, uma comunidade tradicional, com cerca de 70 famílias, cuja economia é baseada na utilização sustentável dos recursos da floresta.

Enquanto isso, Camilla permanecerá em Manaus para visitar o Centro Municipal de Arte e Educação e o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

O casal voltará a se reunir no domingo, em Manaus, para viajar ao Equador, última parada de sua viagem.

Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*